Aulas

Qual a diferença de Day Trade e Swing Trade?

“Mas, afinal, o que é Day Trade e Swing Trade?” Calma, calma. Isso não é nenhum bicho de 7 cabeças, antes que você se assuste. Na verdade, são definições bem simples e tenho certeza que você entenderá rapidamente.

Na verdade, o problema é outro: a dificuldade de ter sucesso nessas operações. Como você já deve saber, Day Trade e Swing Trade são formas de operar na Bolsa de Valores, portanto, a chance de retorno é menor do que, por exemplo, aplicar na Renda Fixa.

Para que você entenda melhor, vamos nos aprofundar um pouco mais para explicar tudo o que for necessário durante esse artigo.

Você sabe o que é Day Trade?

Explicando de forma simples, Day Trade é quando você abra uma posição e a encerra no mesmo dia, ou seja, quando você compra uma ação e no mesmo dia vende essa ação. Independente de sair ganhando ou perdendo com a operação, desde que seja a mesma ação negociada.

Isso me lembrou de outra coisa. Já viu aqueles filmes que o cara compra e vende ações na bolsa freneticamente e fica ricaço do dia pra noite?

Pois bem, como dito, isso é coisa de filme mesmo. Descobri isso quando perdi 5 mil reais em uma única semana, fazendo Day Trade com contratos de mini-dólar, sem responsabilidade, sem estudar e sem consciência do que estava fazendo. 

Queria apenas enriquecer, rapidamente. O que consegui foi o contrário, perder uma boa grana em poucos dias e não quero que aconteça o mesmo com você, por isso, prepare-se para investir e aprenda como controlar as suas decisões.

 

Cuidado com os Custos e com a Ansiedade

Existem custos para operações de Day Trade. Primeiramente precisamos ver a Corretagem. Para cada operação, como comprar ou vender uma ação, você paga uma corretagem. Imaginando que isso pode ocorrer várias vezes ao dia no Day Trade, esse custo pode ser bem alto.

O Imposto de Renda pago no Day Trade também é maior, pois enquanto nas operações normais (swing trade) pagamos 15% de Imposto de Renda sobre o lucro, no Day Trade preicamos pagar 20%. Traduzindo, vai comer uma parte maior do seu lucro.

Sem contar o controle emocional, que tem que ser muito maior do que o normal. Pensa só, o mercado acionário possui muitos ativos voláteis. E no caso do Day Trade, muitas vezes, você acaba entrando em uma operação e saindo 10 segundos depois, por exemplo.

Convenhamos, algo que pode dar muito lucro ou muito prejuízo em segundos é algo que realmente deixa ansioso. Às vezes, pode dar certo, mas também pode ser que o preço subiria ainda mais ou diminuiria ainda menos e, por afobação, você se precipitou.

Se aceitar minha recomendação então, o ideal é que não faça Day Trade se não tiver muita consciência do que está fazendo. É só com a experiência que virá seu sucesso, portanto não se arrisque logo de cara.

 

Operar na Bolsa é uma competição!

Algo importante de se frisar também é que a Bolsa de Valores não é um cassino de Las Vegas, ou seja, não se deve apostar no mercado acionário. 

No entanto, quando você quer levar isso como uma profissão, deve pensar que está competindo com diversos outros profissionais, incluindo os fundos de investimentos, corretoras e bancos que negociando bilhões de reais em patrimônio, todos os dias.

É isso mesmo, investir na bolsa pode ser uma competição, mas não quer dizer que quando você perde alguém está ganhando, pode ser que ambos fizeram operações com prejuízo. O mercado de ações não é um jogo de soma zero, então não é preciso que alguém perca dinheiro para que você ganha e vice-versa, mas é necessário manter a consistência dos ganhos acima das perdas.

Opere no Day Trade com muita cautela, pois os custos são maiores, o controle emocional será difícil e não existe nenhuma garantia de retorno, por mais riscos que tome, portanto, cuidado com as promessas de ganho fácil e certo nesse mercado, isso não existe!

 

E o que é Swing Trade?

Finalmente falaremos de Swing Trade, mas ele não é uma novidade, apenas deram um nome americanizado para uma operação que todo mundo conhece.

Swing Trade nada mais é do que o oposto do Day Trade. Enquanto no Day Trade abrimos e fechamos posição no mesmo dia, no Swing Trade podemos fechar depois de 2, 3 ou até 4 dias, ou seja, uma operação normal de compra e venda na Bolsa de Valores.

 

Quando usar Day Trade ou Swing Trade

– Bruno, quero ser um Trader, mas não sei se vale mais a pena fazer Swing Trade ou Day Trade. Qual é melhor?

Veja bem, são estratégias diferentes para situações diferentes. Não existe uma que valha mais a pena do que outra.

Cabe ao Trader executar suas próprias estratégias e verificar qual faz mais sentido para sua necessidade. Até porque, o que não faz muito sentido seria ouvir estratégias vencedoras disponíveis gratuitamente na internet.

Outro detalhe é que existem várias opções de estratégias e sempre tem uma pessoa dizendo que uma é melhor do que outra. O que recomendo é que faça a sua própria estratégia baseando-se em vários conceitos com resultados consistentes no longo prazo e adaptando a sua experiência.

Uma sugestão também é usar o conceito de suporte e resistência no Day Trade ou as tendências no Swing Trade.

Não deixe de acompanhar nosso canal do Bruno Papi - Criando Futuro. Se inscreva lá e curta o vídeo para ajudar o canal a crescer e espalharmos o conhecimento financeiro para todos. 

Ah, sempre que tiver qualquer dúvida ou sugestão, não se esqueça de deixar seu comentário aqui embaixo ou no nosso canal.