O momento de incertezas políticas e econômicas pelo qual o Brasil vem passando pode representar a oportunidade de investimento ideal para quem quer valorizar ainda mais o seu capital. Acredite: algumas aplicações de renda fixa e de renda variável se tornam ainda mais atrativas diante do cenário atual.

No entanto, antes de se atirar com tudo na primeira modalidade aparentemente favorável, vale tomar alguns cuidados, em especial no que diz respeito a quanto e onde empregar os seus recursos.

Identificando oportunidade de investimento favorável

Quando se busca uma ótima oportunidade de investimento, é preciso conhecer as modalidades que estão ao alcance do investidor médio ou iniciante, já que há boas aplicações que só podem ser administradas por pessoas experientes nesse mercado.

Para identificar uma boa ocasião para investir, é preciso comparar a oportunidade oferecida ou encontrada com outras modalidades já conhecidas. Nessa analogia, leve em conta a liquidez, as taxas de juros, os custos e o investimento inicial. Assim, sua tomada de decisão pode ser mais simplificada.

Oportunidade de investimento em renda fixa

É claro que existem muitas formas de investir o seu dinheiro e com riscos e rentabilidades diferentes. Atualmente, se encaixam como boas oportunidades as aplicações em renda fixa – isso por conta da alta taxa de juros que se tem no Brasil.

A nossa sugestão, para quem quer se beneficiar dessa variável, é buscar mais informações sobre o Certificado de Depósito Bancário (CDB) em sua instituição financeira e atrelá-lo a taxa CDI, que é muito próxima à taxa básica de juros (Selic).

Se você pode esperar um pouco mais para receber o seu montante, outras boas alternativas são as letras de crédito LCI e LCA – imobiliário e agronegócio, respectivamente. A melhor opção são os títulos do Tesouro Direto, nos quais você investirá diretamente na Selic, com a garantia do governo.

Renda variável também pode ter boas oportunidades

Se a renda fixa apresenta boas oportunidades de investimentos, as ações também podem oferecer situações vantajosas. No entanto, com um mercado extremamente volátil todo cuidado é pouco na hora de aplicar na Bolsa.

Uma saída mais conservadora é apostar em segmentos do varejo que dificilmente irão cair mesmo com a crise. O setor de medicamentos, por exemplo, é um deles. Por mais que a situação esteja difícil, os remédios são os últimos itens a serem cortados da lista de compras.

A isso se soma o envelhecimento da população, que estimula uma demanda ainda maior de fármacos. No ano passado, as ações da empresa RaiaDrogasil, responsável por 7% do mercado farmacêutico, cresceram 72,4%. A título de comparação, o índice Ibovespa subiu cerca de 38,94% no mesmo período.

Ou seja, independentemente da modalidade, se bem analisadas as diversas variáveis que compõem uma aplicação, uma oportunidade de investimento lucrativo estará ao seu alcance. Esteja atento para não deixá-la passar.

Como preparar-se para investir?

Sabemos que não é tão simples começar a investir, mas podemos ajudar nessa jornada em busca da sua liberdade financeira.

Treinamento de Educação Financeira (matrículas abertas)

Matricule-se agora em nosso treinamento de Educação Financeira e conquiste o estilo de vida dos seus sonhos.

O treinamento é composto por 8 vídeo-aulas que serão enviadas para o seu e-mail a cada 2 dias, com cerca de 10 minutos de duração cada uma e conteúdos práticos.

Você também pode gostar de saber que é totalmente gratuito e online, basta inscrever o seu e-mail abaixo e esperar a primeira aula na sua caixa de entrada.

Matricule-se agora

Bruno Papi

Investidor desde 2011 na Bolsa de Valores, fundador do site General Investidor e co-fundador do Criando Futuro. Bacharel em Sistemas de Informação, MBA em Gestão de Projetos e cursando pós-graduação em Finanças, Investimentos e Banking pela PUCRS. Já concedeu mais de 50 entrevistas em diversas mídias, além de palestrar em empresas e universidades sobre investimentos.