Eleição 2022: Ranking do Patrimônio dos Presidenciáveis

Eleição 2022: Ranking do Patrimônio dos Presidenciáveis

O 1º turno das próximas eleições presidenciais será em 2 de outubro de 2022. Até o momento, foram contabilizados 11 pré-candidatos para a disputa presidencial.

Mas o que todo mundo realmente quer saber é: quem é o mais rico dos candidatos nas Eleições de 2022?

Se você chegou até aqui, com certeza é essa a resposta que busca e é isso o que vamos mostrar nesse artigo.

Ranking dos Presidenciáveis 2022

Conheça os candidatos a presidência em 2022 e, em seguida, o patrimônio declarado deles, segundo dados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Jair Bolsonaro (PL)

O presidente Jair Messias Bolsonaro, 66 anos, com nome político de Jair Bolsonaro, é pré-candidato à reeleição pelo PL em 2022.

Nascido em Glicério, no interior de São Paulo, foi registrado na cidade de Campinas. Bolsonaro é o 1º paulista eleito presidente desde Rodrigues Alves, que ganhou as eleições de 1902 e de 1918.

Alvo de uma tentativa de assassinato nas eleições de 2018 por um filiado do PSOL, Bolsonaro sobreviveu e ganhou as eleições naquele ano. Já em posse como presidente, passou por diversas cirurgias e precisou de internações durante todo o seu mandato. Apesar disso, faz transmissões frequentes na internet para falar sobre os planos do governo e viaja o país cumprindo com sua agenda de trabalho.

Bolsonaro foi deputado federal pelo Rio de Janeiro de 1991 a 2018. É o 1º militar eleito por voto direto em mais de 7 décadas. O último foi Eurico Gaspar Dutra, eleito em 1945. Ele é o atual presidente do Brasil e busca a reeleição, com amplo apoio popular e sem qualquer condenação por corrupção no currículo.

Bolsonaro 2022

Patrimônio do Bolsonaro em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Lula (PT)

Luiz Inácio Lula da Silva, 76 anos, chamado apenas de Lula, é o pré-candidato do PT para as eleições de 2022.

Nascido em Pernambuco, Lula fez carreira como sindicalista antes de se candidatar à Presidência pela 1ª vez em 1989, sendo derrotado por Fernando Collor (PRN). Também foi candidato nas eleições de 1994 e 1998, mas foi derrotado por Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Finalmente, elegeu-se presidente do Brasil em 2002, foi reeleito em 2006 e permaneceu no cargo até 2010.

Foi alvo de operações da polícia federal nas operações do Mensalão e Lava Jato, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro por unanimidade pelo TRF-4 e também por decisão unânime na 5ª turma do STJ, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Apesar de julgado e condenado, Lula foi livrado por uma manobra do STF que colocou em dúvida a capacidade do juiz que o condenou em 1ª instância, Sérgio Moro.

Lula 2022

Patrimônio do Lula em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Sérgio Moro (UNIÃO)

O Sergio Moro nasceu em 1972, na cidade de Maringá, no Paraná.

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro ganhou fama entre 2014 e 2018, ao atuar como juiz de primeira instância da Operação Lava Jato, que revelou um escândalo de corrupção que levou à cadeia empresários, funcionários públicos e políticos — entre eles, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) — envolvidos em esquemas de pagamento de propina e lavagem de dinheiro que movimentaram bilhões de reais.

Sergio Moro 2022

Patrimônio do Moro em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Ciro Gomes (PDT)

Ciro Ferreira Gomes, conhecido apenas como Ciro Gomes, 64 anos, é paulista, nascido no município de Pindamonhangaba.

Membro de uma poderosa família de políticos, disputou sua 1ª eleição ainda em 1982. Foi eleito e reeleito deputado federal pelo PMDB (atual MDB) em 1986. Interrompeu o 2º mandato em 1988 para tentar eleger-se prefeito de Fortaleza (CE), sendo eleito.

Foi governador do Ceará (1991-1994), ministro da Fazenda de Fernando Henrique Cardoso (1994-95) e ministro da Integração Nacional (2003-2006). Disputou as eleições presidenciais de 1998 e 2002 pelo PPS (atual Cidadania) e de 2018 pelo PDT. Nunca venceu uma disputa presidencial, mas chegou ao 3º lugar em 2018.

Ciro 2022

Patrimônio do Ciro em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

João Doria (PSDB)

João Agripino da Costa Doria Junior, com nome político de João Doria, 64 anos, é um político e empresário nascido na cidade de São Paulo e filiado ao PSDB desde 1991.

Foi apresentador do programa O Aprendiz (2010-2011) e também do Show Business (1999-2016). É fundador do Grupo Doria,um grupo de comunicação e marketing composto por seis organizações: Lide (Grupo de Líderes Empresariais); Doria Administração de Bens; Doria Internacional; Doria Editora; Doria Eventos e Doria Marketing & Imagem.

Foi  secretário de Turismo de São Paulo e presidente da Paulistur (1983–86) no governo Mário Covas, e presidente da Embratur (1986-88) durante a presidência de José Sarney, ambas empresas estatais da área do turismo. Após a pausa na carreira política, elegeu-se prefeito da capital paulista em 2016 e deixou o cargo em 2018 para disputar o Governo de São Paulo naquele ano, função que exerce até hoje.

Doria 2022

Patrimônio do Doria em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Simone Tebet (MDB)

O MDB lançou em 8 de dezembro a pré-candidatura da senadora Simone Tebet (MDB-MS), 51 anos, à Presidência da República.

Nasceu em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, em 1970. É política de carreira, sendo filha do ex-senador Ramez Tebet. Seguiu os passos do pai vencendo como deputada pelo Mato Grosso do Sul em 2002, em seguida para prefeita da sua cidade natal, Três Lagoas, em 2004 e reelegendo-se em 2008.

Elegeu-se senadora em 2014 pelo seu estado e hoje é líder da bancada feminina. Já tentou por 2 vezes ser presidente do Senado, mas perdeu em 2019 para Renan Calheiros (MDB-AL) e em 2021 para Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

Simone Tebet 2022

Patrimônio da Simone Tebet em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

André Janones (AVANTE)

O deputado federal André Janones (Avante-MG), de 37 anos, é um advogado mineiro nascido em Ituiutaba.

Ficou conhecido em 2018, depois de viralizar com uma série de vídeos sobre a greve dos caminhoneiros. Já foi filiado ao PT (2003–2012) e ao PSC (2012–2018). No mesmo ano, Janones se elegeu para o seu 1º mandato como deputado federal. Teve 178,6 mil votos. Apareceu na pesquisa Ipec de 14 de dezembro com 2% das intenções de voto para o Planalto em 2022, empatado com João Doria (PSDB).

Andre Janones 2022

Patrimônio do André Janones em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Felipe D'Ávila (NOVO)

Recém-lançado pelo Novo como pré-candidato à Presidência da República em 2022, Felipe d’Avila, 58 anos, é cientista político pela Universidade Americana de Paris.

Nascido na capital paulista, d’Avila tem mestrado em administração pública pela Harvard Kennedy School. É coordenador do movimento Unidos Pelo Brasil e fundador da organização sem fins lucrativos CLP (Centro de Liderança Pública).

Felipe Davila 2022

Patrimônio do Felipe D'Ávila em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Leonardo Péricles (UP)

Leonardo Péricles Vieira Roque, 40 anos, com nome eleitoral de Leo Péricles, é pré-candidato à Presidência da República em 2022.

É presidente do partido mais novo do Brasil, o UP (Unidade Popular pelo Socialismo), criado em dezembro de 2019. Foi candidato a vice-prefeito de Belo Horizonte na chapa da deputada federal Áurea Carolina (Psol-MG), conseguindo apenas o 4º lugar, com 103.115 votos. Leonardo nasceu em Belo Horizonte, mora em ocupação urbana e é coordenador do MLB (Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas).

Leo Pericles 2022

Patrimônio do Léo Péricles em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Vera Lúcia (PSTU)

A candidata Vera Lúcia tem 55 anos e foi uma das fundadoras do PSTU com integrantes do grupo político Convergência Socialista.

Já foi filiada ao PT, mas foi expulsa do partido em 1992. É graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Vera nunca foi eleita a um cargo público. Foi candidata a governadora de Sergipe, a prefeita de Aracaju e a deputada federal. Em 2018, foi candidata à Presidência da República e teve como vice o professor Hertz Dias. Em 2020, Vera disputou a Prefeitura de São Paulo (SP).

Vera Lucia 2022

Patrimônio da Vera Lúcia em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Eymael (DC)

O fundador e presidente do Democracia Cristã, José Maria Eymael, com nome político de Eymael, de 82 anos, é apresentado como pré-candidato à Presidência pelo partido desde 2020.

O político já foi deputado federal por São Paulo de 1986 a 1995. Disputou 5 campanhas presidenciais (1998, 2006, 2010, 2014 e 2018), mas não obteve êxito em nenhuma.

eymael.jpg

Patrimônio do Eymael em 2022

Ainda não divulgado pelo TSE.

Desistências em 2022

A corrida eleitoral está na fase das pré-candidaturas, em que os nomes interessados em concorrer realizam diálogos político-partidários para o próximo ano.

Até agora, 6 políticos cogitados para disputar as eleições para o Planalto em 2022 retiraram seus nomes da disputa: o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta; o ex-deputado e candidato em 2018 Cabo Daciolo; o jornalista e apresentador José Luiz Datena; o empresário João Amoêdo, ex-presidente do partido Novo e um dos fundadores da sigla; Rodrigo Pacheco, presidente do Senado; e o senador Alessandro Vieira (PSDB, antes Cidadania).

O último a anunciar a desistência da corrida ao Planalto foi o ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro, em 31 de março. Depois de ter ficado quase 5 meses no Podemos, filiou-se ao União Brasil e deve disputar uma vaga na Câmara dos Deputados por São Paulo.

Em nota, Moro disse que desistiu da pré-candidatura à Presidência para “facilitar” as negociações do “centro democrático”. Declarou que a ideia é que a chamada 3ª via tenha um candidato único na corrida pelo Planalto.

Eleições Presenciais no Brasil

Historicamente, 11 é um número alto, superando o número de concorrentes em 1994, 2002, 2006, 2010 e 2014 e empatado com a disputa presidencial de 1998.

A eleição presidencial de 1989, que elegeu Fernando Collor, é a que teve mais candidatos desde a redemocratização: 22 nomes.

Atualizado em

Por: Bruno Papi

Compartilhe esse artigo com mais pessoas: