Quer ser rico? Descubra os 10 hábitos da riqueza

Quer ser rico? Descubra os 10 hábitos da riqueza

Tendo como base a média salarial dos brasileiros é possível identificar se você é rico ou não. Inclusive, é possível analisar a qual classe você pertence.

Se você ainda não faz parte da parcela rica da população, é possível seguir alguns hábitos que podem levar você para a riqueza, tendo como referência os hábitos dos bilionários e de investidores bem sucedidos, como Warren Buffett.

Portanto, preste atenção ao texto e, principalmente, coloque em prática esses hábitos se deseja realmente enriquecer. Conhecimento é importante, mas sem a prática não serve de nada. Vamos a leitura e, depois, mãos à obra!

Média salarial dos brasileiros

Em 2021, a média salarial dos brasileiros foi de R$ 2.433,00 de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Essa média corresponde somente à base de salários pagos e não é equivalente ao salário mínimo, que é a remuneração mínima que os contratos de trabalho devem oferecer. 

Como dito anteriormente, a média do salário no Brasil em 2021 era de R$ 2.433,00. Entretanto, esse valor pode variar de acordo com a região do Brasil. Sendo assim, em 2021 a média de acordo com a região era:

  • Sudeste: R$ 2.585,00
  • Sul: R$ 2.499,00
  • Centro-Oeste: R$ 2.498,00
  • Norte: R$ 1.711,00
  • Nordeste: R$ 1.539,00
  • Distrito Federal: R$ 4.312,00

A média salarial brasileira não deve ser confundida com a renda média per capita. Isso porque a renda média per capita é determinada por meio da divisão dos ganhos totais de uma família pela quantidade de moradores na casa.

Inclusive a renda média per capita brasileira em 2019 era de R$ 1.430, mas com a pandemia iniciada em 2020 essa média foi reduzida para R$ 1.380 e, em 2021, foi estimada em R$ 1.326. Ou seja, as pessoas eram mais ricas antes da pandemia.

Um valor inferior a esse só foi verificado no começo da série histórica do estudo, no primeiro trimestre de 2012: R$ 1.323.

Em 2020, o Distrito Federal apresentou a maior renda média per capita no Brasil, com R$ 2.475. O segundo com a maior renda média per capita foi São Paulo com R$ 1.814. Depois de São Paulo veio Rio de Janeiro com renda média per capita de R$ 1.723.

Um detalhe importante é que, antes da pandemia, cerca de 14% dos brasileiros não eram considerados pobres em 2019, mas entraram nesta categoria em 2021.

Classes A, B, C, D e E

Existem diversas maneiras de analisar qual a classe social de uma pessoa. Uma dessas formas, é utilizar a média salarial como ponto de partida.

Para determinar a média salarial de uma família, basta somar todos os rendimentos das pessoas que moram na mesma casa e verificar quantos salários mínimos são equivalentes ao montante final.

Sendo que, atualmente, o salário mínimo é R$ 1.210,44. Desse modo, por meio da renda mensal dos moradores de uma mesma casa, é possível elencar dos ricos para os mais pobres:

  • Classe A: Essa é a parcela mais rica da população brasileira. Ao somar os rendimentos mensais de todos os residentes da mesma casa, o valor total fica acima de 20 salários mínimos, isto é, mais de R$ 24.208,80. Se você faz parte dessa parcela, você está entre os mais ricos do Brasil.
  • Classe B: Na classe B estão inclusos as famílias que recebem mais de 10 salários mínimos e no máximo 20 salários mínimos. Portanto, a renda mensal fica entre R$ 12.104,40 e R$ 24.208,80.
  • Classe C: As famílias com rendimentos totais acima de quatro e até dez salários mínimos estão enquadrados na classe C. Dessa maneira, os rendimentos ficam entre R$ 4.841,76 e R$ 12.104,40 mil.
  • Classe D: Nessa classe estão as famílias com rendimentos acima de dois e até quatro salários mínimos. Logo, os salários totais variam entre R$ 2.420,88 e R$ 4.841,76.
  • Classe E: Por fim, temos a classe E, onde os rendimentos mensais são no máximo dois salários mínimos, isto é, R$ 2.420,88.

10 Hábitos da Riqueza

Existem alguns sinais de que você irá se tornar rico, mesmo que por enquanto você ainda não faça parte da parcela mais rica da população. Se você ainda não possuir esses hábitos das pessoas que ficarão ricas, você pode aproveitar para adotá-los.

  1. Você vive com menos do que ganha: viver com menos do que ganha, poupar e investir essa sobra é o que vai te enriquecer.
  2. Contas dentro do prazo: Ao pagar as contas dentro do prazo, você evita pagar juros ou multa por atraso.
  3. Prioriza a qualidade: Outro hábito que você irá te tornar rico é fazer compras inteligentes, priorizando a qualidade em vez do preço baixo. O que tem mais qualidade dura mais e gera mais benefícios, logo você gasta menos no longo prazo.
  4. Reserva de emergência: Possuir uma reserva de emergência é um hábito que você vai deixar você rico, pois estará preparado caso apareça algum imprevisto e não precisará resgatar seus investimentos para lidar com eles.
  5. Aposentadoria: Um dos hábitos que vão deixar você rico é se planejar para a aposentadoria.
  6. Organização financeira: Você vive dentro do seu padrão de vida e sabe até quanto pode gastar. 
  7. Múltiplas fontes de renda: Você investe para que seu dinheiro renda, mas sabe que quanto mais fontes de renda tiver, melhor para investir ainda mais.
  8. Moradia: Outro hábito que enriquece é dar preferência para o aluguel até ter dinheiro suficiente para comprar um imóvel à vista, em vez de fazer uma alta dívida financiando um imóvel e comprometendo a renda.
  9. Carteira de investimentos especializada: Uma carteira especializada é um hábito dos ricos, porque eles sabem que a pulverização é o que impede os investidores de ganhar acima da média.
  10. Usa bem o cartão de crédito: Por fim, outro hábito dos ricos é utilizar o cartão de crédito com inteligência, recebendo milhas, postergando pagamentos e parcelando sempre que não houver juros para manter o fluxo de caixa. Lógico que dentro do orçamento e pagando a fatura em dia.

Conclusão: Você já é rico

Partindo do pressuposto de que uma pessoa que recebe mais de 2 salários mínimos faz parte da classe D em diante, então é bem provável que você já é mais rico do que a maioria dos brasileiros.

Mas, independente de quanto receba hoje, ao buscar informações como as que mostramos aqui e adquirir os hábitos dos ricos, você está no caminho certo!

A riqueza é questão de tempo para quem faz as escolhas certas: vive dentro do seu padrão de vida, estuda constantemente, aumenta a renda, poupa e investe.

Se gostou desse artigo, então compartilhe em suas redes sociais e nos ajude a enriquecer mais pessoas.

Atualizado em

Por: Bruno Papi

Categorias: Finanças

Compartilhe esse artigo com mais pessoas: