Como Comprar e Vender Ouro Usado?

Como Comprar e Vender Ouro Usado?

A cotação e as negociações de ouro têm crescido muito nos últimos anos, principalmente em crises financeiras, como a iniciada em 2020.

Nos mercados internacionais, alguns investidores faturam bastante e, da mesma forma, as lojas abertas ao público tornaram-se uma fantástica forma de conseguir realizar dinheiro de forma fácil e rápida, sem grandes burocracias.

Nos momentos de pânico do mercado financeiro, os investidores sentem uma necessidade extra de diminuir os riscos dos seus investimentos, não só por uma questão de lucro, como também por segurança.

É exatamente nesse patamar que entra o ouro, uma reserva de valor que atravessa um período favorável de grande procura – o que resulta numa constante e contínua valorização em todo o mundo.

Se por um lado os pequenos investidores afastam-se deste mercado, por outro lado os grandes investidores veem neste negócio uma excelente forma de conseguir proteger o seu patrimônio. Esse movimento ocorre por conta do ouro ser uma histórica reserva de valor.

Por que comprar e vender ouro?

Salvo raras exceções, são muitos os investidores que recorrem a poucas questões para comprar ouro usado, tornando-se assim extremamente fácil de conseguir dinheiro rápido e fácil para uma eventualidade.

Assim, dado que o crescimento do negócio de compra e venda de ouro usado no Brasil e no mundo cresceu exponencialmente nos últimos anos, conseguir dinheiro sem burocracias através da venda dos seus pertences sem uso (feitos em ouro) tornou-se cada vez mais fácil.

Uma das grandes vantagens é que este é um ativo que tem liquidez em todo o mundo, ou seja, os investidores podem operar no mercado nacional, mas também vender mais tarde em outros países, já que essa commodity pode ser comercializada de forma global, desde que respeitada as legislações locais.

Como vender ouro usado?

Alguns dos procedimentos básicos na venda do ouro usado referem-se ao comprador, ou seja, é importante vender o seu ouro usado apenas a compradores credenciados e sempre dentro da lei, já que uma venda fora da lei poderá trazer-lhe um sem número de problemas. 

Por outro lado, saber vender é essencial: você deve conhecer os valores do mercado atual para que todo o procedimento seja feito de forma correta e para que ninguém ganhe de forma desonesta.

Apesar de ser um negócio bastante rentável, a venda de ouro usado deve ser feita apenas em situações de emergência e, sempre que possível, com peças sem grande valor histórico, já que vender uma peça única pode significar arrependimento no futuro. 

Caso pense em vender itens de família ou com algum valor sentimental, aconselhamos sempre a venda a um comprador que possa voltar a vender mais tarde a peça negociada – ou avaliar a penhora da joia, em vez de vendê-la.

Cuidados na venda de ouro usado

Um dos maiores cuidados que devemos ter na venda de ouro usado refere-se ao seu valor. Como ninguém gosta de ser enganado, é preciso conhecer os critérios de avaliação para conseguir prever qual será o valor da venda e, posteriormente, qual será o lucro obtido a partir dessa venda.

No que diz respeito aos critérios de avaliação, destacamos o tipo de peça, a antiguidade, o peso da peça em si, o estado de conservação e a pureza do ouro. Sem esses dados, é impossível definir um valor para a venda

Fique atento também à negociação, já que uma pessoa com altas dívidas pode aceitar a primeira oferta que vier, o que pode resultar num grande lucro - ou num enorme prejuízo, dependendo da sua posição na negociação.

Conclusão: negocie ouro com atenção

Os procedimentos e cuidados a ter na venda ou na compra de ouro usado referem-se à legalidade da negociação, sendo sempre aconselhável procurar uma empresa especializada para a venda do material e avaliação do valor da peça.

Além disso, é importante ter sempre em conta a cotação atual do ouro, que varia diariamente.

Temos um guia completo detalhando como é possível comprar e vender ouro no Brasil, inclusive citando os procedimentos e aspectos legais. Leia mais: Guia Completo de como investir em Ouro.

Atualizado em

Por: Bruno Papi

Categorias: Investimentos

Compartilhe esse artigo com mais pessoas: